Dinapec 2018: Presidente do Sistema Famasul anuncia inauguração do Centro de Excelência, do Senar

Evento foi realizado hoje na sede da Casa Rural, em Campo Grande

Será inaugurado, no dia 07 de março, o Centro de Excelência em Bovinocultura de Corte, do Senar, em Campo Grande/MS. O anúncio foi feito pelo presidente do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito, durante o lançamento oficial da Dinapec 2018 – Dinâmica Agropecuária, realizado nesta quarta-feira (08), na sede da Casa Rural.

A Dinapec é uma vitrine de tecnologias, realizada pelo Sistema Famasul e pela Embrapa Gado de Corte, entre 07 e 09 de março, aberta a técnicos, produtores e acadêmicos, dispostos a conhecer as soluções tecnológicas desenvolvidas pela pesquisa agropecuária para os diversos sistemas de produção.

O lançamento contou com a participação de lideranças rurais e políticas do Estado. “O Centro de Excelência além de gerar novos valores, capacitará técnicos que estarão, em breve, no mercado de trabalho de Mato Grosso do Sul e do Brasil, suprindo a atual demanda por mão de obra especializada no meio rural”, afirma Mauricio Saito.

Sobre a Dinapec 2018, Saito falou que desenvolvimento do Agro, associado à preservação ambiental. “A Dinâmica tem como objetivo compartilhar de tecnologias, elevando o crescimento do setor produtivo não apenas do ponto de vista econômico, mas também do lado ambiental e social”.

O governador de MS, Reinaldo Azambuja, reforçou como o meio rural tem colaborado com a economia do Estado. “Mato Grosso do Sul é o quinto maior produtor de grãos do Brasil, o 3º maior produtor de carne bovina, com a melhor qualidade. Tudo isso é fruto da genética, inovação, pastagens renovadas, entre outras iniciativas”.

A tecnologia rural também foi destacada pelo governador: “Devido à pesquisa, alcançamos altos níveis de produtividade”, perguntando ainda: “Quem não quer produzir com sustentabilidade?”.

O chefe geral interino da Embrapa Gado de Corte, Ronney Mamede, contou a história da Dinapec até se consolidar com uma das principais feiras agropecuária. “O evento nasceu em 2006, com o nome Agroinovação, com a finalidade de disseminar o crescimento contribuindo com a efetividade produtiva do setor”.

A estimativa da Embrapa é reunir mais de 3 mil pessoas, nos três dias de Feira. “A Dinapec auxilia o produtor a produzir a mais e melhor. Atualmente, conta com mais de 40 opções de dinâmicas de pecuária de corte, de leite, produção de milho, Boas Práticas Agropecuárias, entre outros”, salientou Mamede.

Sobre o avanço preservacionista e de crescimento do Agro , o diretor-executivo de Inovação e Tecnologia da Embrapa, Cleber Oliveira Soares, afirmou: “A última estimativa mostra que o Brasil saltou de 11,5 milhões para 12 milhões de hectares em sistemas integrados de produção. Sem falar do plantio direto, iniciativa sustentável”.

Participaram do evento, o diretor tesoureiro do Sistema Famasul, Luis Alberto Moraes Novaes; a diretora-secretária da Federação, Terezinha Cândido; o superintendente do Senar/MS, Lucas Galvan; o diretor técnico do Sistema Famasul, Renato Roscoe e o presidente da Aprosoja/MS, Juliano Schmaedecke; e o diretor regional da Famasul, Jean Pierre.

Também estiveram presentes, o presidente da Fundação MS, Luciano Muzzi; o diretor presidente da Iagro, Luciano Chiochetta; o coordenador de Agronegócio do Sebrae/MS, Marcus Rodrigo de Faria; o diretor-executivo da Reflore/MS, Dito Mário e o presidente da Fundect, Márcio Araujo Pereira.

O diretor-presidente da Agraer, André Nogueira Borges; o superintendente da Semagro, Rogério Beretta; o reitor da UFMS, Marcelo Turine; o presidente da OCB/MS, Celso Régis, a chefe-adjunta de Transferência de Tecnologia da Embrapa Solos, Petula Ponciano; o chefe geral da Embrapa Agropecuária Oeste, Guilherme Asmus e a chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Gado de Corte, Lucimara Chiari,  também prestigiaram o lançamento da Dinapec.

Representatividade Rural – Participaram do evento, os presidentes dos sindicatos rurais de: Nioaque, Cláudio Straliotto; Paranaíba, Nilo Alves Ferraz; Iguatemi, Márcio Margato Nunes; Amambai, Ronan Nunes da Silva e Santa Rita do Pardo,  Florindo Cavalli Neto.

Sobre a Dinapec – A realização da Dinâmica Agropecuária tem o apoio das seguintes instituições: Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO), Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (SEDESC), Fundo para o Desenvolvimento das Culturas de Milho e Soja de MS (FUNDEMS).

Apoiam também a iniciativa a Fundação MS, Fundação Chapadão, Fundação de Apoio à Pesquisa Agropecuária e Ambiental (Fundapam), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR/MS), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Rede ILPF, Geneplus, Tramasul, Coimma, Companhia Nacional de Nutrição Animal (Connan), Sistema Brasileiro do Agronegócio, Agrobrasil TV e DBO. O patrocínio é da Associação para o Fomento à Pesquisa de Melhoramento de Forrageiras (Unipasto), do Banco do Brasil e do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com realização da Embrapa e Sistema Famasul.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Ana Brito