Serviços ao Produtor

O Conselho Paritário de Produtores e Indústrias de Leite em Mato Grosso do Sul (Conseleite) tem como objetivo auxiliar na organização da cadeia produtiva e na valorização do produto. O Conseleite aponta, mensalmente, o valor de referência do leite a partir de pesquisas de preço. A entidade é composta por representantes dos produtores rurais e dos laticínios, sendo os membros indicados pela Federação da Agricultura do Mato Grosso do Sul (Famasul) e pelo Sindicato da Indústria de Laticínios do Estado (Silems). Também fazem parte deste projeto a Universidade Estadual – Unidade de Aquidauana (UEMS) e a Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Próximas Reuniões:
Data da próxima reunião: 14 de setembro de 2017 (presencial).

 

O Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (SIGA) em sua versão Web oferece aos seus usuários acesso a diversas informações relacionadas as safras agrícolas do Mato Grosso do Sul, bem como a um acervo de documentos e boletins técnicos publicados.


Ir para o site SIGAWEB

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) atua na defesa dos interesses dos produtores rurais brasileiros na esfera federal, enquanto as Federações da Agricultura trabalham nos Estados e os Sindicatos Rurais no âmbito dos municípios. É assim que trabalha o Sistema CNA, cada um na sua área de atuação, definidas em lei.

Os recursos arrecadados pela contribuição sindical são distribuídos conforme estabelece o artigo 589 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho): 60% para o sindicato rural; 20% para o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE); 15% para a Federação da Agricultura e 5% para a CNA. Sua obrigatoriedade está prevista no artigo 149 da Constituição federal, que determina o caráter tributário da contribuição. Significa que o pagamento é compulsório, independente de o contribuinte ser ou não filiado a sindicato. Esta contribuição existe desde 1943 e é cobrada de todos os produtores rurais – pessoa física ou jurídica – conforme estabelece o Decreto Lei nº 1.166, de 15 de abril de 1971, com a redação dada pelo artigo 5º da Lei 9701, de 18 de novembro de 1998.

Para saber mais faça o download da Cartilha de contribuição sindical 2017

Faça a emissão online da 2ª via da Contribuição Sindical Rural

Você também pode fazer a emissão online da Certidão e declaração negativa de débitos

O Mapeamento da Economia Agrícola de Mato Grosso do Sul (MEA/MS) tem o objetivo de mapear os custos dos sistemas de produção e analisar a viabilidade econômica (rentabilidade) dos sistemas produtivos predominantes da soja e do milho nos principais municípios produtores e nas áreas de expansão de Mato Grosso do Sul. Para isso, o levantamento utiliza dados e modelos já aplicados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da ESALQ/USP e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Entre os focos do projeto está o levantamento de informações com periodicidade anual por meio de entrevistas e painéis, com a participação dos agentes econômicos da produção, na construção das informações e dos sistemas produtivos mais representativos que refletem as modalidades de produção da região e do Estado.

Clique aqui e veja o Lançamento dos resultados

Projeto MEA/MS – Clique abaixo e confira os Resultados Custos Soja e Milho de cada município